Polícia vai incinerar oito toneladas de drogas

O Departamento de Investigações Sobre Narcóticos (Denarc) vai incinerar nesta sexta-feira cerca de oito toneladas de drogas apreendidas desde o final do ano passado em municípios da Grande São Paulo, Sorocaba e na capital paulista. Esta será a maior destruição de entorpecentes já feita por este departamento da Polícia Civil. Do total de drogas cuja incineração foi autorizada pela Justiça, há quase seis toneladas de maconha, 1,12 tonelada de cocaína e 1,17 tonelada de drogas sintéticas. Desde 1995, o Denarc já fez 13 incinerações, destruindo ao todo 28 toneladas de entorpecentes. O governador Geraldo Alckimin, o secretário da Segurança Pública de São Paulo, Saulo de Castro Abreu Filho, o delegado-geral de Polícia, Marco Antônio Desgualdo, e o diretor do Denarc, Ivaney Cayres de Souza, acompanharão a incineração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.