Policiais civis realizam protesto em frente ao Copacaba Palace

Cerca de 40 policiais civis protestaram hoje em frente ao hotel Copacabana Palace, considerado um dos pontos nobres da zona sul do Rio de Janeiro, para reivindicar melhores condições salariais. Os policiais, liderados pelo Sindicato da Polícia Civil do Rio de Janeiro, distribuíram panfletos em inglês, francês e espanhol aos turistas que neste domingo aproveitavam o sol e carnaval no bairro de Copacabana. Os folhetos continham mensagens que questionam o comprometimento do governo estadual em promover a segurança na cidade. Alguns cartazes advertiam os visitantes, em suas línguas, para a falta de segurança. Segundo o presidente do sindicato, Fernando Bandeira, os policiais reivindicam uma gratificação salarial ao governo do estado há três anos, sem sucesso. "Estamos distribuindo os panfletos em outras línguas porque é uma forma de fazer o empresariado do turismo cobrar, do governo do estado, maior responsabilidade na questão de segurança", afirmou. Foi a terceira manifestação dos policiais civis no Rio, este ano, para reivindicar a gratificação.

Agencia Estado,

26 Fevereiro 2006 | 15h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.