Policiais envolvidos na morte de Nadinho

O delegado de Homicídios do Rio, Jader Amaral, garantiu ontem que as primeiras investigações indicam a participação de policiais no assassinato do ex-vereador e ex-líder comunitário Josinaldo Francisco da Cruz, o Nadinho de Rio das Pedras. Nadinho foi assassinado no dia 10, com dez tiros, no Condomínio Rio 2, na Barra da Tijuca, onde morava. Ontem, o delegado ouviu o cabo da Polícia Militar Lúcio Silveira, que estava com o ex-vereador e também foi atingido pelos disparos. Prestou depoimento ainda um ex-assessor de Nadinho, cujo nome não foi revelado. O PM disse que, após ser baleado, anunciou que era policial e foi deixado em paz pelos assassinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.