Policiais promovem ação para desarticular o crime organizado

Mais de cem policiais militares cumpriram, no início da manhã desta sexta-feira, 18, em cinco cidades do Vale do Paraíba, 17 mandados judiciais de busca e apreensão. A ação, na tentativa de desarticular as ações do crime organizado e da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) foi realizada em São Jose dos Campos, Jacareí, Taubaté, Pindamonhangaba e Lorena, em parceria com os promotores do Gaerco (Grupo Regional de Combate e Repressão ao Crime Organizado). Dos mandados, quatro foram abortados por falta de informações quanto a nomes e endereços.De acordo com os promotores de Justiça, a ação visava, principalmente, recolher documentos, agendas e anotações feitas por pessoas ligadas ao crime organizado. Talões de cheques, contas correntes, extratos e cartões bancários também foram recolhidos para investigação. Todo material foi encaminhado ao Ministério Público.No final da tarde a Polícia Militar informou que durante o cumprimento dos mandados, sete pessoas foram presas, vinte celulares foram apreendidos e quatro centrais telefônicas descobertas e interceptadas. Outras ações como esta serão realizadas como medida para desarticular o crime organizado na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.