Policiais são presos acusados de matar empresário em SP

Dois policiais civis foram presos e suas armas apreendidas no Aeroporto de Congonhas, zona Sul de São Paulo, suspeitos de matar o empresário Antônio Ribeiro Filho, 63 anos. De acordo com informações do jornal Bom Dia SP, da Rede Globo, Ribeiro foi assassinado na manhã de quinta-feira, no centro do Guarujá, litoral sul de São Paulo.Os policiais, cujos nomes não foram divulgados, vieram de Mato Grosso e estavam hospedados no apartamento ao lado do flat onde morava a vítima. O empresário morava no local havia cinco anos, desde que veio de Mato Grosso.A polícia suspeita que o crime tenha sido motivado por um acerto de contas. Dono de uma empresa do ramo madeireiro, Ribeiro não reagiu à ação e foi alvejado por três tiros, na nuca e no peito, enquanto caminhava pelo calçadão da praia de Pitangueiras com seu cachorro. Os bandidos fugiram em seguida. O empresário foi levado para o Hospital Santo Amaro, mas não resistiu e morreu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.