Policiais trocam tiros com bandidos na Floresta da Tijuca

A polícia do Rio encontrou hoje de manhã pistas sobre uma quadrilha que vem assaltando turistas e praticantes de caminhadas dentro da Floresta da Tijuca. Na mata que fica perto da Vista Chinesa, foi encontrado um acampamento dos bandidos, onde havia material roubado. Dois homens reagiram à ação dos policiais e atiraram. Eles conseguiram fugir. Policiais do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur) faziam rondas na floresta justamente para levantar informações sobre o bando. Eles encontraram no meio da floresta um lugar que acreditam servir de ponto-base para os assaltantes. Lá, recolheram documentos, 50 cartões de crédito e de bancos e uma máquina fotográfica roubados, uma lanterna, munições de fuzil, pistola e revólver, além de fardas do Exército e rojões. Ninguém se feriu no tiroteio. Segundo o comandante do BPTur, tenente-coronel Rodolfo Lírio, as operações na área vão continuar até que o grupo seja desarticulado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.