Policial Militar reformado é executado no Guarujá, litoral de São Paulo

PM estava em um bar quando foi surpreendido por quatro homens, que o balearam; eles seguem foragidos

05 de julho de 2012 | 10h21

O Sargento reformado da Polícia Militar José Valdir dos Santos foi executado a tiros em um bar do bairro de Morrinhos, no Guarujá, na quarta-feira, 4.

De acordo com a assessoria de imprensa da PM, Santos estava em um bar na Avenida Quatro quando foi surpreendido por quatro homens, por volta das 16h. Depois de efetuar os disparos, os suspeitos fugiram e permanecem foragidos.

O PM, aposentado em 2011, foi socorrido ao Pronto Socorro do Hospital PAN, mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo após a chegada. O caso foi registrado na Delegacia Central do Guarujá.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.