Polícias fazem operação conjunta na região da 25 de Março

As policias Civil e Militar de São Paulo iniciaram operação conjunta, na manhã desta terça-feira, 10, na região da rua 25 de Março, no centro de São Paulo. O objetivo da operação é apreender produtos piratas, fiscalizar as condições de imóveis e capturar pessoas procuradas pela Justiça. Segundo informações da Rádio Eldorado, a prefeitura promete fazer operações diárias na região, por tempo indeterminado, das 8h às 18h e, aos sábados, das 8h às 14h. Nesta terça, 70 guardas-civis metropolitanos, 25 policiais militares e 25 policiais civis faziam a operação, que tem como principal objetivo retirar camelôs que não têm licença para trabalhar na região. O subprefeito da Sé, Andrea Matarazzo, e o delegado da 1ª Seccional também estiveram presentes no local, quando houve um princípio de tumulto que foi rapidamente controlado pelos policiais. Alguns camelôs deixaram ao local quando souberam da operação, segundo a Eldorado. Conhecida por seu comércio popular, a rua 25 de Março têm diversas operações em busca de produtos piratas e contrabandeados. Na última terça-feira, 3, a Polícia Militar prendeu dois comerciantes no Shopping 25 de Março, região central da cidade, durante a operação na rua. Texto ampliado às 10h40 para acréscimo de informações.

Agencia Estado,

10 Abril 2007 | 09h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.