Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Políticos viram jurados gastronômicos em Barretos

O tradicional concurso culinário ?Queima do Alho?, realizado hoje em Barretos, durante a 46ª Festa do Peão de Boiadeiro, reuniu jurados políticos de vários partidos. Os peemedebistas Michel Temer e Orestes Quércia, além do senador pefelista Romeu Tuma já são participantes corriqueiros, mas o evento também teve a presença de três petistas (Jair Meneguelli, autor do projeto que deu origem à profissionalização do peão, José Genoíno e Aloízio Mercadante, todos deputados federais). Do governo estadual, o secretário do Trabalho, Walter Barelli, também integrou o jurado gastronômico, além do ministro da Agricultura, Pratini de Moraes. "Vim para apoiar e prestigiar a festa, que é tradicional na cultura do País, sem política", disse Pratini de Moraes. "Isso aqui é festa, alegria, não tem outro assunto para discutir", emendou o senador Romeu Tuma. "O mais importante é a festa, não as companhias", afirmou Genoíno, o provável candidato petista ao governo de São Paulo no próximo ano. O prefeito de Barretos, Uebe Rezeck (PMDB), recepcionou-os. "Essa festa caracterizou-se pelo encontro de amigos, embora cada um defenda uma idéia diferente politicamente", comentou Rezeck. O designer Hans Donner, da TV Globo, que fez o cartaz do evento, também circulou no recinto da ?Queima do Alho?. Outros jurados anunciados desfalcaram o concurso culinário: Luiz Antônio Fleury Filho (PTB), Paulo Maluf (PPB) e o apresentador Ratinho. O vencedor do concurso foi a comitiva de Antonio Angelo, de Barretos. A Festa do Peão termina amanhã, com destaque para as montarias em touros e cavalos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.