Poluição põe Santo Amaro em estado de atenção

A Secretaria do Meio Ambiente de São Paulo declarou a região de Santo Amaro, na zona sul da cidade de São Paulo, em estado de atenção na tarde desta terça-feira por causa do alto índice de ozônio no ar.O céu claro e o vento fraco estimularam a alta concentração desse gás, formado a partir dos poluentes emitidos pelo escapamento dos veículos. O ar esteve inadequado também por ozônio, mas em menor quantidade, no Parque D. Pedro II, em Osasco e em Cubatão (Vila Parisi).Apenas a estação de Nossa Senhora do Ó apresentou boa qualidade do ar. As demais regiões monitoradas pela companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) registraram qualidade regular. As condições meteorológicas para esta quarta-feira vão continuar desfavoráveis para a dispersão dos poluentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.