PPS ameaça intervir contra dissidentes

A intervenção do PMDB nacional em Santa Catarina contra a aliança com o DEM provocou reação do PPS. O presidente do partido, Roberto Freire, determinou que os diretórios da Bahia e do Tocantins desfaçam a aliança com os candidatos do PMDB que estão com Dilma Rousseff - o ex-ministro Geddel Vieira Lima e o governador Carlos Henrique Gaguim. "Mandei avisar. Se não saírem, faremos intervenção. Essa política do PMDB é desrespeitosa", diz Freire.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.