PR tem 9 cidades em emergência e 3 mil afetados por chuvas

Massa de ar polar faz tempetatura não passar dos 11ºC no Estado; 900 casas foram danificadas por temporais

Agência Brasil,

30 de setembro de 2009 | 14h32

Nove municípios paranaenses estão em situação de emergência devido às chuvas e aos ventos fortes das últimas horas, segundo levantamento da Defesa Civil: Bituruna, General Carneiro, Marmeleiro, Pinhal de São Bento, Pranchita, Prudentópolis, Renascença, Santo Antonio do Sudoeste e Umuarama.

 

Veja também:

linkNo Sul, 144 mil foram atingidos pelas chuvas 3 morreram

linkEm SC, 95 mil pessoas foram atingidas pelas chuvas

linkNo Rio Grande do Sul, 46 mil foram atingidos pela chuva

linkChuvas provocam 3 mortes no Sul do Brasil

 

O número de municípios atingidos subiu para 27. Segundo a Defesa Civil, os temporais afetaram 3.170 pessoas e deixaram 902 residências danificadas. De acordo com o órgão, as chuvas mais fortes ocorreram nos últimos dois dias e para esta quarta-feira, 30, não há previsão de temporais, o que deve ajudar a baixar o nível do Rio Iguaçu.

 

Em União da Vitória, no sul do Estado, 60 famílias estão alojadas em ginásios da cidade. Algumas aguardam há duas semanas o nível do rio baixar e, dessa forma, poder voltar para casa.

 

A massa de ar frio que está no Paraná faz cair a temperatura. Em Palmas, os termômetros marcam 5ºC nesta manhã. A temperatura não deve ultrapassar os 11°C no decorrer do dia, situação que também deve se repetir em Curitiba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.