Praia de Copacabana amanhece com mais de mil rosas

A praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, amanheceu florida nesta quinta-feira, 19. Integrantes do Movimento Rio da Paz plantaram 1.300 rosas vermelhas em um trecho da praia, na altura da Avenida Princesa Isabel. As flores representam as vítimas de violência nos últimos três meses na cidade do Rio. O grupo já havia feito duas manifestações na praia. No dia 17 de março, 700 cruzes foram fincadas na areia para lembrar os mortos até a data na cidade. No dia 7 de abril, em outra manifestação, várias pessoas deitaram na areia vestidas de preto, representando as vítimas da violência no Estado do Rio. Violência Na quarta-feira, 18, um adolescente de 16 anos foi morto por bala perdida no Morro da Matriz, no Méier, zona norte da cidade. Franklin William da Silva estava próximo a um grupo de criminosos, quando a polícia chegou ao morro. Houve troca de tiros e o rapaz foi baleado. A família de Franklin informou que ele trabalhava como atendente de lanchonete numa universidade particular no Méier e negou que ele tivesse envolvimento com o tráfico de drogas. A Polícia Militar também não tem informações sobre a participação do jovem no tráfico. O morro permanece ocupado pela polícia. (Colaborou Clarissa Thomé.)

Agencia Estado,

19 Abril 2007 | 11h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.