Praias lotam no primeiro dia do horário de verão

O primeiro dia do horário de verão foi comemorado neste domingo pelos cariocas, que lotaram as praias da cidade. Na Praia de Copacabana, nem a fria temperatura da água (15 graus) foi suficiente para fazer os banhistas desistirem da oportunidade de ficar mais uma hora sob o sol de 30 graus, no último dia de feriado prolongado."É legal porque podemos ficar mais tempo aqui", comentou a estudante Ana Paula Lima, de 16 anos. O funcionário público Renato Tavares, de 54 anos, lembrou que, apesar de muitos não gostarem do horário de verão, o fato de o dia ficar mais comprido é compensador.A mudança no horário não alterou a rotina de Tavares de caminhar na praia. Como todos os dias, às 9 horas já estava no calçadão.Exceção à regra, a turista Socorro Martinez, de 31 anos, natural de Belém, criticou a mudança. "É horrível. Pode melhorar para o setor de energia, mas, além de a gente ter de acordar mais cedo, desarruma todo o nosso horário biológico", criticou ela, que está há cinco dias no Rio e em seu Estado não é obrigada a conviver com a mudança, já que o Pará está fora do horário de verão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.