Prédio de quatro andares desaba em Aracaju

Quatro pessoas de uma mesma família estão desaparecidas e podem estar sob os escombros

Antonio Carlos Garcia - Especial para O Estado, O Estado de S. Paulo

19 de julho de 2014 | 12h25

ARACAJU - Um prédio de quatro andares, localizado na rua Poeta Sales, no bairro Coroa do Meio, na zona sul de Aracaju, desabou por volta das 2 horas da manhã deste sábado, 19,  e quatro pessoas estão desaparecidas: o vigilante, a esposa deles e duas crianças, que residiam temporariamente no local. Equipes do Corpo de Bombeiros, com ajuda de dois cães farejadores, procuram por vítimas sob os escombros. 

“Ouvimos um grande barulho e quando fomos ver o prédio desmoronou”, conta Mariana Amarante que, na hora do acidente estava numa festa próximo ao edifício. De acordo com a Empresa Municipal de Urbanismo (Emurb), órgão da Prefeitura Municipal de Aracaju, responsável pela fiscalização de obras, o empreendimento estava com a documentação regularizada desde 2012.

A obra estava em conclusão e  o prédio era composto por quatro apartamentos e um estacionamento no térreo. Somente o vigilante e sua família estavam no local na hora do acidente. Até o momento, não há informações sobre as possíveis  vítimas. O Corpo de Bombeiros conta com a ajuda de um retroescavadeira para retirada dos escombros.

Mais conteúdo sobre:
Aracajuprédiodesabamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.