Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Prédio desaba em sítio histórico de Salvador

Três pessoas saíram feridas na manhã de hoje no desabamento da parte interna de um sobrado de cinco andares situado na Praça Cairu, sítio histórico dos mais importantes da capital baiana, onde se localizam o Mercado Modelo, a parte baixa do Elevador Lacerda e as Igreja da Conceição da Praia e São Pedro Gonçalves do Corpo Santo. A construção do final do século 19, como a maioria dos sobrados do local, estava condenada pela Companhia de Defesa Civil de Salvador (Codesal) mas abrigava um "inferninho" no quinto andar com acesso para Ladeira da Montanha, conhecida zona de prostituição da cidade que se encontra em franca decadência.Das três pessoas feridas com o desabamento, apenas uma Vânia Gonzaga da Silva, de 26 anos, havia sido identificada após o acidente. Ela, outra mulher e um homem foram levados para o Hospital Geral do Estado onde permaneciam internados até o início da tarde. Os feridos estariam no bar do quinto andar, calcula o engenheiro da Codesal José Roberto Casqueiro que esteve no local do acidente, explicando que o segundo, o terceiro e o quarto andares estavam desocupados e lacrados.Na parte térrea do imóvel funciona uma loteria que não foi atingida pelo desabamento. Os técnicos informaram que a laje de concreto do quinto andar, sustentada precariamente, caiu derrubando as estruturas internas do sobrado até o segundo andar. Casqueiro disse que a falta de manutenção e a construção irregular de uma laje de concreto sobre a velha estrutura de madeira que dividia os andares do imóvel deve ter causado o acidente, o que vai motivar uma vistoria completa nos prédios vizinhos pois aparentam estar na mesma situação de precariedade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.