Prédio irregular é demolido no Rio em ação contra sem-teto

Operação 'Choque de Ordem' combate a desordem urbana, uma das promessas de campanha de Eduardo Paes

Pedro Dantas, de O Estado de S. Paulo,

05 de janeiro de 2009 | 11h00

Em sua primeira ação à frente da Prefeitura do Rio, o prefeito Eduardo Paes desencadeou nesta segunda-feira, 5, a operação "Choque de Ordem", que envolve 1.500 homens entre funcionários da Prefeitura e policiais civis para combater a desordem urbana. Uma das promessas de Paes durante a campanha eleitoral foi combater a desordem urbana na capital fluminense. A operação acontece em bairros das zonas sul, norte e oeste. No Recreio dos Bandeirantes, zona oeste, um prédio irregular cujo proprietário é acusado de ligação com milícias está sendo demolido.   Veja também:  As promessas de campanha de Eduardo Paes    Foto: Wilton Júnior/AE  Prédio irregular no Recreio dos Bandeirantes durante a operação desta segunda-feira no Rio   Esta é a primeira vez após anos que o Estado e o Município atuam juntos para inibir a população de rua, o estacionamento irregular em calçadas e regularizar a coleta de lixo. "É uma operação para quatro anos, é uma postura de governo para sinalizar à população que a prefeitura mudou", disse Paes.   Foto: Wilton Júnior/AE  Prédio irregular no Recreio dos Bandeirantes durante a operação desta segunda-feira no Rio    Segundo o secretário especial de Ordem Pública, Rodrigo Bethlem, as pessoas não poderão mais acampar e dormir em praias, calçadas e sob viadutos e terão de circular caso se recusem a ir para abrigos. Em alguns pontos da cidade mapeados pela polícia, os moradores de rua serão levados para a delegacia, onde será checado se há mandados de prisão contra eles.   A prefeitura também pretende recolher menores, fiscalizar estabelecimentos, reprimir ambulantes e flanelinhas ilegais, combater publicidade ilegal e reprimir pequenos crimes e infrações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.