Prefeita de Olinda processa antecessora

A prefeita de Olinda, Luciana Santos (PCdoB) entrou com uma ação de ressarcimento com pedido de indenização contra a ex-prefeita Jacilda Urquiza (PMDB). Luciana quer que sua antecessora devolva a soma de R$ 1,245 milhão que havia sido recebida por meio de convênio com o Ministério de Planejamento, em l998, e que não teria sido utilizada para uma obra de pavimentação a que se destinava, e nem devolvida à União.Por esta dívida, Olinda poderá ser colocada no Cadastro Geral dos Inadimplentes da União (Cadim) e no Sistema Integrado de Administração Financeira (Siaf), sofrendo bloqueio de recursos e repasses da União, a exemplo do Fundo de Participação do Município (FPM) e Sistema Único de Saúde (SUS). O ultimato foi dado pelo Ministério do Planejamento na sexta-feira.A ex-prefeita garantiu não ter havido nenhum desvio de verba na sua administração, e acusou sua sucessora de estar fazendo ?politicagem?. Urquiza disse ter recebido um comunicado do Ministério do Plajamento também na sexta-feira, questionando os cálculos do convênio, e que a dúvida será esclarecida, esta semana, pelo seu ex-secretário municipal de Planejamento, Galba Lins.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.