Prefeita é 1º lugar em concurso que ela mesma criou

O Ministério Público Estadual (MPE)entrou com uma ação de improbidade administrativa contra a prefeita de Ingaí, no Sul de Minas Gerais. Segundo o MPE, Teresinha Angélica de Paiva Paula passou em primeiro lugar em um concurso público que ela mesma homologou. Ainda de acordo como ministério, houve uma violação dos princípios por parte da administração municipal, principalmente porque Teresinha participou do concurso durante seu mandato. O MPE informou que ainda vai pedir a anulação das provas. Se condenada, a prefeita pode pagar uma multa de até cem vezes o valor de sua remuneração. As informações são do Globo Online.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.