Prefeito diz abrir mão de reajuste

O novo limite de teto defendido por Kassab corresponde a 90,25% do salário de um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e equivale ao teto do Tribunal de Justiça. Na sexta-feira, Kassab informou em nota oficial que vai abrir mão de um provável reajuste em seu salário. Principal representante do funcionalismo na Câmara, o vereador Cláudio Fonseca (PPS), também presidente do Sindicato dos Professores Municipais, avalia que a majoração deve ser estendida aos 147 mil servidores. "Eu acho que a Mesa tem de pensar no restante do funcionalismo", argumentou. O vereador, contudo, concorda que a exclusão dos jetons e a criação de um vencimento único poderá não resultar em mais gastos.

Diego Zanchetta, O Estadao de S.Paulo

05 Agosto 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.