Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Prefeito é cassado por abuso de poder político e econômico na eleição

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou o mandato do prefeito de Pereira Barreto, no interior de São Paulo, Washington Luiz de Oliveira (PPS), por abuso de poder político e econômico nas eleições municipais de 2000. Segundo a Justiça Eleitoral, Oliveira já era prefeito, e para conseguir a reeleição, usou a máquina administrativa na campanha, participando de inaugurações de obras, o que é proibido pela legislação eleitoral. Ele foi reeleito com 48,81% dos votos válidos.No lugar do prefeito cassado assumirá o médico Dagoberto de Campos, que disputou as eleições municipais pelo PSDB e ficou em segundo lugar com 44,75% dos votos válidos. A diplomação de Campos será às 10 horas desta quinta-feira e a posse oficial, uma hora depois, na Câmara Municipal. Pereira Barreto tem 25 mil habitantes.O prefeito cassado não foi encontrado na cidade hoje. Segundo a assessoria, ele estava em São Paulo consultando advogados especializados em legislação eleitoral para saber se ainda tem chance de evitar o afastamento do cargo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.