Prefeito usa feriado contra decisão judicial

O prefeito de São Raimundo Nonato (512 km ao Sul de Teresina), Avelar Ferreira, decretou feriado, hoje, em homenagem a Nossa Senhora de Fátima. O objetivo real não era celebrar a santa, porém, mas ganhar tempo para conseguir uma liminar suspendendo o bloqueio de R$ 120.000,00 da conta da prefeitura no Banco do Brasil. O bloqueio foi determinado ontem pelo juiz do Trabalho Paulo Rocha, para pagamento de salários e indenizações a servidores municipais demitidos.O prefeito justificou o decreto pela celebração em torno de uma imagem de Nossa Senhora de Fátima no bairro Gavião, o mais populoso da cidade. Em São Raimundo Nonato, o padroeiro católico é o santo que dá nome à cidade, cuja festa é celebrada no dia 31 de agosto.Comerciantes entraram com mandado de segurança para derrubar o decreto do feriado. No começo da tarde, o juiz Antonio Lopes de Oliveira concedeu liminar suspendendo o feriado, mas apenas para as lojas. O Banco do Brasil não funcionou, mas o bloqueio dos recursos foi mantido, porque a Justiça do Trabalho não acatou pedido contra a decisão do juiz Rocha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.