Prefeitura cearense paga 15º salário aos professores

O aumento nas matrículas de alunos no sistema público de ensino da cidade de Pacatuba (CE), a 34 quilômetros da Fortaleza, vem sendo motivo de incentivo aos 287 professores do município. Com salários que variam de R$ 364 a R$ 500, o corpo docente já recebeu de dezembro para cá dois salários além do décimo terceiro previsto na lei trabalhista.Em janeiro deste ano, o décimo quinto salário foi depositado nas contas dos professores graças à distribuição da verba excedente liberada pelo Ministério da Educação. Como o número de alunos aumentou, as verbas, segundo o secretário de Educação, Francisco Monteiro, seguiram o mesmo caminho, o que proporcionou um acúmulo mensal de sobra de verba na folha de pagamento dos professores.Como o dinheiro que sobra não pode ser transferido para outra área, acabou tendo o bolso dos professores como destino. "Quando se paga mensalmente, sobra todo mês. A gente provisiona até chegar dezembro. Acumulado esse dinheiro, a gente paga o 14º, 15º e se tiver condições, até o 17º salário", disse Monteiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.