Prefeitura cria o "táxi executivo" em SP

A Secretaria Municipal de Transportes implantará nesta segunda-feira em São Paulo o táxi executivo - vans equipadas com ar-condicionado e poltronas. O objetivo da prefeitura é atrair para o transporte público pessoas que utilizam diariamente o automóvel.No início, os táxis farão 10 linhas com itinerários fixos, ligando áreas onde normalmente as pessoas usam o carro para ir ao trabalho ou à escola. O preço da tarifa será de R$ 3. A partir de segunda-feira, os taxistas que trabalharão nessa nova modalidade de transporte já poderão se cadastrar e colocar os adesivos nos carros para começar a operar imediatamente na sua linha. Estão autorizados a trabalhar nesse serviço os 250 portadores do alvará de taxi lotação existentes na capital paulista. Por enquanto, eles poderão utilizar seus veículos atuais, mas, num prazo de 90 dias, terão que substituí-los pelas vans equipadas para essa finalidade.As linhas são: República-Faria Lima; São Domingos-Barra Funda; USP-Barra Funda; Mooca-Vila Mariana; Chácara Flora-Brooklin; Vila Prudente-Liberdade; Jardim Anália Franco-Bresser; Alto da Lapa-Santa Ifigênia; Brooklin Novo-Paraíso e Horto Florestal-Vila Guilherme.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.