Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Prefeitura de SP começa a integrar rede de saúde

A Prefeitura de São Paulo vai investir até o final do ano R$ 18 milhões para informatizar e integrar a rede de saúde na cidade. A informação é do coordenador de integração e regulação da Secretaria da Saúde, Antônio Carlos Lira.Com o sistema integrado, os pacientes poderão agendar exames complementares ou consultas especializadas na própria Unidade Básica de Saúde (UBS) e pegar os resultados na consulta de retorno, também na UBS.A nova organização também irá gerenciar as internações para partos e agendar para a mãe e a criança consultas de retorno na unidade mais próxima da residência ou do local de trabalho do paciente.O início do processo de informatização da rede de saúde pública da cidade começou nesta terça-feira, segundo Lira, na região da Lapa, zona oeste de São Paulo, onde estão localizadas nove UBS.Do total a ser investido pela Prefeitura para a informatização do sistema, R$ 12 milhões foram gastos com o software. "O processo servirá de base para a organização da saúde da cidade e estamos trabalhando nisso desde setembro do ano passado", disse Lira.

Agencia Estado,

21 de setembro de 2004 | 16h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.