Prefeitura de SP e Grupo Accor firmam parceria

A Prefeitura de São Paulo e o Grupo Accor do Brasil fecham, na noite desta terça-feira, durante cerimônia em um hotel da capital paulista, parceria para a construção de um Centro de Educação Infantil (CEI) no Bom Retiro. A unidade de ensino vai oferecer 200 vagas e deverá atender prioritariamente às crianças de 0 a 3 anos e 11 meses residentes na Favela do Gato.Para a construção do CEI, que deve começar nos próximos dias, o Grupo Accor vai investir R$ 1,2 milhão, segundo informações da Prefeitura paulistana. A partir da entrega da unidade de ensino, prevista para agosto do ano que vem, toda a manutenção e operacionalização do CEI fica sob responsabilidade do município. A Accor decidiu firmar parceria com a Prefeitura por meio do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (Fumcad). O objetivo principal do Fumcad é buscar parceiros para atender às demandas relacionadas às crianças e adolescentes. Pela Lei, toda empresa que firma parcerias via Fumcad tem dedução de 1% no Imposto de Renda (IR). Segundo a Prefeitura, a Accor vai fechar parceria com a administração municipal via Ticket, uma das 19 unidades de negócios do Grupo Accor do Brasil.Mais parceriasA parceria a ser fechada na noite de hoje para a construção de um CEI é a segunda do gênero. A Telefônica foi a primeira empresa a estabelecer acordo com a Prefeitura, via Fumcad, também para a construção de um CEI em Pirituba, na zona Oeste. As obras estão em andamento, segundo a administração municipal, e devem ser concluídas até junho de 2004.Ainda este mês, mais uma empresa deve firmar contrato com a administração de Marta Suplicy (PT) para a construção de outro CEI também em Pirituba. O Grupo Safra deverá fechar parceria com a Prefeitura petista nos próximos dias. A exemplo do CEI "patrocinado" pela Accor, as unidades "bancadas" pela Telefônica e pelo Grupo Safra também vão oferecer 200 vagas cada uma.Diferentemente dos Centros Educacionais Unificados (CEUs), principais obras da gestão de Marta Suplicy, os CEIs atendem apenas crianças de 0 a 3 anos e 11 meses. Já os CEUs, em uma única unidade, oferecem desde a educação infantil até o Ensino Fundamental. Eles também servem de espaço para atividades de toda a comunidade da região onde estão localizados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.