Prefeitura do Rio ampliará monitoramento da qualidade do ar

Hoje, o município tem quatro estações no Centro, Copacabana, Tijuca e São Cristóvão

estadão.com.br,

20 de dezembro de 2011 | 16h14

SÃO PAULO - A Prefeitura do Rio lança nesta quarta-feira, 21, no Centro de Operações, mais quatro estações de monitoramento da qualidade do ar. Hoje, o município tem quatro estações no Centro, Copacabana, Tijuca e São Cristóvão.

A rede analisa poluentes como monóxido de carbono, dióxido de enxofre, material particulado grosso e fino, ozônio, óxidos de nitrogênio, além de variáveis meteorológicas, e opera 24h por dia, enviando dados, a cada hora, à Secretaria de Meio Ambiente. Diariamente, boletins de qualidade do ar das estações são publicados no site da Prefeitura do Rio. As informações de qualidade do ar também são enviadas ao Centro de Operações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.