Prefeitura do Rio pagará prestações de casas para desabrigados

Prefeitura do Rio pagará prestações de casas para desabrigados

Benefício para famílias transferidas para moradias do programa Minha Casa Minha Vida valerá para casos emergenciais; até que residências estejam prontas, vítimas receberão R$ 400

Priscila Trindade, da Central de Notícias

12 de abril de 2010 | 19h10

SÃO PAULO - A Prefeitura do Rio anunciou nesta segunda-feira, 12, que pagará as prestações mensais das famílias transferidas para as moradias do programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal.

 

Veja também:

linkHospitais do Exército atendem 200 na Grande Rio; mortos sobem para 231

linkDeslizamentos fecham Bondinho do Corcovado

linkRio e Niterói recebem 140 toneladas de donativos

VÍDEOS - Chuvas no Rio, pelos cinegrafistas anônimos

especialESPECIAL - Os locais afetados pelas chuvas

mais imagens GALERIA - Fotos mostram o drama da chuva

 

 

O benefício valerá para os casos classificados como emergenciais. Até o momento, famílias do Morro dos Prazeres serão destinadas à área, mas pessoas de outras comunidades também poderão ocupar o terreno.

 

O prefeito Eduardo Paes e o governador Sérgio Cabral vistoriaram hoje o local que era ocupado pelo complexo penitenciário Frei Caneca, no centro da cidade, até o último mês. O terreno foi implodido para a construção das 2.500 moradias.

 

Até que as moradias estejam prontas, as famílias desabrigadas receberão R$ 400 mensais do programa Aluguel Social.

Mais conteúdo sobre:
chuvas no Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.