Prefeitura e sindicatos se reúnem para discutir greve em SP

Representantes do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus, do sindicato dos donos de empresas, a Transurb, e da São Paulo Transportes (SPTrans), estão reunidos desde as 15h30 em uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), na tentativa de chegar a um acordo que ponha fim à greve iniciada a zero hora de hoje. A audiência é presidida pelo vice-presidente judicial do TRT, juiz João Carlos de Araújo. Caso as partes não cheguem a nenhum acordo, o juiz poderá encaminhar o pedido de julgamento da greve ainda hoje para a sessão do tribunal especializada em dissídios coletivos e integrada por onze magistrados. "Dada a gravidade da greve, que prejudica mais de 2,5 milhões de pessoas, o julgamento deverá ser realizado hoje ou amanhã", informou a assessoria do TRT.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.