Prefeitura retira 800 toneladas de lixo após chuva no Rio

Resíduos haviam obstruído ralos e galerias fluviais; operação contou com o total de 775 homens para a limpeza

Priscila Trindade, Central de Notícias

28 Abril 2011 | 11h08

SÃO PAULO - A Comlurb já removeu 800 toneladas de resíduos nas áreas da cidade do Rio de Janeiro atingidas pelo temporal que caiu entre a noite de segunda-feira, 25, e a madrugada de terça-feira, 26. Somente na quarta-feira, 27, segundo dia da operação de limpeza, os agentes recolheram 500 toneladas de lixo.

 

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, contou com efetivo de 425 homens na área da Praça da Bandeira e Grande Tijuca. A Comlurb participou do trabalho com equipe de 350 garis na quarta-feira.

 

Para a operação de ontem, foram utilizados doze caminhões basculantes, uma carreta de três metros cúbicos, duas pás mecânicas, duas mini pás carregadeiras, cinco compactadores e quatro carros pipa.

 

Os 60 homens da Coordenadoria Geral de Conservação (CGC) trabalharam nas Avenidas Radial Oeste e Francisco Bicalho, Praça da Bandeira e nas Ruas do Matoso, Radialista Waldir Amaral, Praça Maracanã, Lopes de Souza, Hilário Ribeiro, Sotero Reis, Barão de Iguatemi, Pereira de Almeida, Joaquim Palhares. Ao todo 1.114 unidades de ramais de ralo e 1.200 metros de galerias de águas pluviais foram desobstruídos. Vinte e cinco técnicos da Rioluz normalizaram 34 circuitos apagados e consertaram quatro redes danificadas pelas chuvas.

Mais conteúdo sobre:
lixoriochuvaslimpeza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.