Presa quadrilha acusada de vender drogas em rave no Rio

Uma quadrilha que vendia drogas em festas foi desarticulada pelo Serviço de Repressão a Entorpecentes, na manhã desta quarta-feira, 3, em Niterói, região metropolitana do Rio. Segundo informações apuradas pelo Jornal Hoje, o grupo, que foi preso em uma pousada, era responsável pela venda de ecstasy em Jurujuba, também em Niterói.Maurício Pimentel Rocha, de 24 anos, identificado como o chefe do grupo, é lutador de vale-tudo e árbitro da Confederação Brasileira de Kick-boxing. Além de Rocha, foram presos a namorada dele, Fernanda Bonim da Silva, o universitário Marcos Vinícius Pereira, Ana Paula da Silva Pereira e Antônio Batista da Costa Cunha. Um outro integrante da quadrilha, identificado como Anderson, ainda está foragido.Com a quadrilha, que vinha sendo investigada há dois meses, a polícia apreendeu drogas, celulares, dinheiro, uma arma e uma agenda de telefones. O grupo fornecia drogas em academias para jovens que, assustados com a violência, não queriam ir às favelas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.