Presa quadrilha que atacava gerentes

Após seis meses de investigação, a Polícia Civil do Rio desbaratou bando de oito pessoas que seguia gerentes de bancos, mantinha suas famílias em cativeiro e sacava dinheiro nas agências. Em cada ação, a quadrilha roubava entre R$ 300 mil e R$ 700 mil. O bando atuou em pelo menos 22 ataques a bancos no Rio, São Paulo e Pernambuco.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.