Presas dominam carcereira e fogem de delegacia em Guarulhos

Vinte e três presas fugiram, por volta da 0h30 desta segunda-feira, do 3.º Distrito Policial de Guarulhos. Duas presas serraram as grades, saíram da carceragem e se esconderam. As demais chamaram a carcereira Tereza Rosa dos Santos e disseram que uma delas estava passando mal e precisaria ser medicada. Quando a policial se aproximou das celas foi dominada pelas duas detentas que haviam se escondido e levou um golpe na cabeça com uma barra de ferro. Das 28 presas que ocupam as duas celas, 23 fugiram, 5 resolveram ficar.Policiais militares foram acionados e conseguiram recapturar apenas quatro fugitivas. A carcereira foi para o hospital e após ser atendida pelos médicos foi liberada para prestar depoimento ao delegado Douglas Dias Torres, no 1.º Distrito Policial de Guarulhos, onde o caso está sendo registrado. Dezenove presas continuam foragidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.