Presidente da Viradouro é baleado em Niterói

Marco Lira é policial civil e presidente do diretório municipal do PTB

Talita Figueiredo, da Agência Estado,

11 de janeiro de 2008 | 17h49

O presidente da Viradouro, Marco Lira, foi baleado nesta tarde em Niterói, cidade a 15 km do Rio e, às 17h20, passava por uma Hospital das Clínicas, no mesmo município. Ainda não há notícias de seus estado de saúde.   As primeiras informações da Polícia Militar são de que ele teria sido vítima de um assalto no centro de Niterói.  Além de presidente da escola de samba,  Lira também é policial civil e presidente do diretório municipal do PTB.   Ele está à frente da Viradouro desde a morte de José Carlos Monassa, em agosto de 2005.

Tudo o que sabemos sobre:
viradouro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.