Presidente eleita fica na Granja do Torto até a posse

Depois de descansar o fim de semana em seu apartamento, em Porto Alegre, a presidente eleita, Dilma Rousseff, deixou a cidade, ontem à tarde. Ela voou para Brasília em avião da FAB depois de almoçar na casa da filha e ver o neto Gabriel, de dois meses. A presidente eleita havia chegado no sábado da Coreia do Sul, onde esteve com o presidente Lula no encontro do G-20.

Lucas Azevedo, ESPECIAL PARA O ESTADO, O Estado de S.Paulo

16 Novembro 2010 | 00h00

A partir de hoje, Dilma instala-se na Granja do Torto, onde fica até a posse em 1.º de janeiro, quando se mudará para o Alvorada. Sua mudança foi levada de sua casa, no Lago Sul de Brasília, para o Torto na semana passada, enquanto ela estava em Seul. A mãe e a tia de Dilma, que atualmente vivem em Belo Horizonte, vão morar com ela em Brasília.

O Torto já foi a residência oficial de dois presidentes da República: João Goulart e João Baptista Figueiredo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.