Presídio do Rio tem nova tentativa de fuga

Três dias depois de 27 pessoas terem sido mantidas reféns por 19 horas numa rebelião no presídio de segurança máxima Serrano Neves (Bangu 3), o sistema carcerário fluminense registrou nova tentativa de fuga na madrugada de hoje. Dessa vez, cinco presos tentaram deixar a Casa de Custódia Milton Dias Moreira, no Complexo da Frei Caneca, na zona norte. Eles foram impedidos pelos agentes penitenciários.O alarme de fuga foi acionado às 2h30, quando os guardas perceberam que presos haviam serrado uma das celas. Os homens fizeram cordas com os lençóis, chamadas teresas, e desceram para o pátio interno da unidade. Os detentos não foram muito longe. Eles foram capturados pelos agentes ao chegar a um campo de futebol da casas de custódia.Apesar de a fuga ter sido evitada, policiais militares dos batalhões do Estácio, de Choque e do Grupo Especial Tático Móvel (Getam) fizeram buscas nos acessos dos morros do Zinco, da Mineira e do São Carlos, que ficam nas redondezas do complexo penitenciário. A Rua Frei Caneca chegou a ficar interditada para o tráfego.Apesar da tentativa de fuga, o diretor do Departamento do Sistema Penitenciário (Desipe), Manoel Pedro da Silva, informou que as visitas não foram suspensas na unidade, nem em Bangu 3. Os presos que tentaram fugir foram encaminhados para o setor de isolamento. Eles responderão à sindicância interna.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.