Preso acusado de estuprar e matar menina de 7 anos

Acusado de matar a enteada de sete anos, na noite da última quinta-feira, 20, Tiago dos Santos Mannochi, de 24 anos, foi preso por policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), segundo informou a Secretaria de Segurança Pública. Ex-presidiário e cumprindo liberdade condicional por roubo, ele é acusado de ter estuprado e assassino a enteada na Cohab Presidente Juscelino Kubitschek, em Guaianazes, zona leste de São Paulo. A menina estava sozinha no apartamento no momento do crime, pois a mãe e a tia haviam saído para ir a uma aula de um curso de informática. Quando voltaram, encontraram a menina morta.O fato de a criança não ter gritado ao notar a presença do intruso despertou a atenção da polícia, sendo um indício de que ela conhecia o algoz. A menina foi brutalmente atacada sexualmente e morta com 12 facadas - cinco em cada braço e duas no peito. O assassino usou uma faca de cozinha para matar a menina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.