Preso é morto com golpes de estoque em presídio

Um preso foi assassinado à golpes de estoque no Presídio do Aur, na região central de Curitiba. O crime aconteceu quando os presos estavam sendo recolhidos à cela depois do banho de sol. Marcos Massaruti, de 33 anos, foi atacado no pátio da penitenciária e recebeu vários golpes de estoque, um objetivo improvisado como faca. Ele morreu no local, apesar de receber socorro do enfermeiro de plantão.Massaruti era do interior do Paraná e desde 91 cumpria pena de 26 anos por latrocínio cometido em Maringá. Quem se apresentou como matador do preso foi Adilson Marques dos Santos, de 24 anos, acusado de assaltos e homicídios em Rio Branco do Sul, na região metropolitana de Curitiba e que estava em prisão provisória.Santos foi levado para a área de isolamento e um inquérito vai apurar os motivos do assassinato. A última ocorrência grave no presídio do Aur foi em agosto do ano passado, quando presos jogaram o caminhão do lixo contra o muro e na fuga mataram um policial militar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.