Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Preso estelionatário que abria empresas fantasmas

Foi preso, na noite de ontem, o estelionatário Wilson Roberto do Espírito Santo, que se identificava como Carlos Dias. O bandido integra uma quadrilha especializada em abertura de empresas fictícias, crime conhecido na linguagem policial como "arara". Segundo a polícia, Wilson já era procurado há vários meses. O golpe foi aplicado em três empresas, mas a polícia acredita que o estelionatário tenha feito outras vítimas. Os bandidos se estabeleceram em um galpão na Rua Tanque Velho, nº 2003, em Vila Constância, zona Norte da capital, e conseguiram lesar três fornecedores, passando-se por negociantes de produtos de informática, além de comerciantes de móveis de escritório e ferro para construção.O golpe era simples: mostrando terem uma empresa idônea, eles encomendavam grande quantidade de um determinado material e três dias depois desapareciam. Wilson está detido no 39º Distrito Policial, de Vila Gustavo.

Agencia Estado,

14 de novembro de 2002 | 07h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.