Preso funcionário que roubava dinheiro de programas sociais

Um funcionário da prefeitura de Uberaba, em Minas Gerais, foi preso em flagrante quando sacava dinheiro de vários programas sociais do Governo Federal. Com ele, a polícia encontrou 66 cartões magnéticos, todos em nomes de outras pessoas.Márcio Fumasa controlava há quatro anos a distribuição dos benefícios de programas como Bolsa Família, Bolsa Escola e auxílio-gás da prefeitura. Ele foi surpreendido na noite de terça-feira dentro de uma agência bancária após a denúncia de seguranças que estranharam o número excessivo de saques. Quando a polícia chegou, o funcionário portava 20 cartões magnéticos destinados a pessoas de baixa renda. Na casa dele, foram encontrados mais 46 cartões de benefícios, que variavam de R$ 15 a R$ 90 cada um.

Agencia Estado,

01 de setembro de 2004 | 16h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.