Preso grupo suspeito de jogar dinamite na Câmara de Juquitiba

A polícia prendeu o grupo acusado de jogar dinamite na Câmara Municipal de Juquitiba, na Grande São Paulo, na última quarta, 12. De acordo com a polícia, as prisões começaram na quinta-feira, quando foi preso Anderson Fernandes, conhecido como Bodão, e suposto integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC). Fernandes, que tem passagem pela polícia por receptação e tráfico de entorpecentes, foi detido no quilômetro 328 da Rodovia Régis Bittencourt e encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Itapecerica.O restante do bando foi preso nesta sexta-feira, 14, depois de investigações da Polícia Civil. Foram detidos: Eduardo Gomes de Souza, de 19 anos, conhecido como Du e Neguinho, com passagem por receptação; Clóvis Antônio de Moraes Hemmel, de 21 anos, com passagem por furto; Elton Marçal, Jimmy Mendonça dos Santos, ambos de 20 anos; e dois menores de idade, que foram encaminhados para o Fórum de Itapecerica.Segundo o delegado de Juquitiba, Vanderlei Antônio da Silva, o serviço de inteligência da Polícia Civil recebeu a informação de que houve uma reunião para atacar a delegacia, mas com o aumento da segurança, os bandidos decidiram atacar um órgão público.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.