Preso homem acusado de matar filho de prefeito eleito

A Polícia Civil de Alagoas prendeu, nesta quinta-feira pela manhã, José Remildo Ferreira, acusado de ter assassinado na noite de Quarta Wilson Moura e Silva, 23 anos, filho do prefeito eleito de Senador Rui Palmeira, Siloé de Oliveira Moura (PSB). Há suspeita de que o crime tenha motivação política, já que Renildo era adversário do pai da vítima, que no dia 1º de janeiro assume a prefeitura do município, que fica no Sertão alagoano, a 234 quilômetros de Maceió.José Remildo foi preso na cidade alagoana de Inhapi e levado para a delegacia Santana do Ipanema, no Sertão do Estado. Segundo testemunhas, Wilson Moura bebia em um bar no centro de Senador Rui Palmeira, quando - por volta das 23 horas da quarta-feira - José Remildo o chamou. Os dois se dirigiram para a principal praça da cidade. Após uma breve conversa e um empurrão, José Remildo disparou três tiros de uma pistola calibre 38. Dois deles atingiram Wilson na cabeça e na altura do estômago.Logo após os disparos, o assassino fugiu em um carro estacionado ao lado do bar. A polícia recebeu uma denúncia de que o carro foi abandonado nas proximidades da cidade de Inhapi, também situada no Sertão de Alagoas. José Remildo foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia do município de Santana do Ipanema, onde se encontra preso. O delegado da Polícia Civil Ailton Soares já está investigando o caso.O corpo de Wilson Moura foi levado para o Instituto Médico Legal da cidade de Arapiraca na madrugada de hoje. No final da manhã, o corpo do filho do prefeito eleito foi liberado para o sepultamento, marcado para o final da tarde desta quinta, na cidade de Senador Rui Palmeira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.