Preso menor que matou investigador de polícia

Durante patrulhamento pelo bairro da Penha, na zona leste da capital paulista, policiais militares das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) prenderam o menor D.R.O., de 17 anos, acusado pelo assassinato do policial civil Walmir Rocha Carvalho, que era investigador do 21º Distrito Policial, de Vila Matilde, também na zona leste.Mesmo sem ter sido abordado pelos policiais militares, por volta das 17h30 desta terça-feira, o adolescente, assustado, resolveu correr pois era procurado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Os policiais desconfiaram da atitude do rapaz e o detiveram no interior de um dos apartamentos do Conjunto Habitacional Cingapura do Jardim Chaparral, onde o adolescente mora.Desarmado, D.R.O confessou que no dia 3 de abril do ano passado, por volta das 20h, disparou contra o rosto do investigador, que tomava um café em um bar na Rua Pedro Alexandrino, em Vila Matilde. O adolescente, que na ocasião estava acompanhado de um comparsa, também menor e conhecido apenas como "Lila", entrou no estabelecimento para realizar um assalto. Ao sacar o revólver contra o dono do bar, o adolescente recebeu voz de prisão de Walmir e disparou contra o investigador, que morreu no local.O adolescente foi encaminhado à unidade da Fundação Estadual para o Bem Estar do Menor (Febem) no Brás, na Rua Piratininga, região central de São Paulo. O colega de D.R.O. continua foragido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.