Preso no ES suspeito de matar músico francês no Rio

A polícia do Rio prendeu nesta quarta-feira, 11, o acusado de assassinar o músico francês Sebastien Emmanuel Jerome Gresser, de 28 anos, morto em um assalto na rodovia Presidente Dutra no dia 19 de março. Sebastião Gama de Paula, o Tindoco, foi preso na cidade de Muqui, no sul do Espírito Santo, em casa de parentes e não reagiu à prisão. "Uma equipe de cinco policiais estava na cidade desde a Semana Santa para prender este indivíduo, que foi preso ao ser acordado por policiais", disse o delegado-titular da Delegacia Especializada de Atendimento ao Turista (Deat), Fernando Veloso, que lidera as investigações do caso. Um vereador da cidade de Japeri, na Baixada Fluminense, é suspeito de dar apoio à fuga de Tindoco, que antes de matar o estrangeiro já tinha sete mandados de prisão por homicídios. O acusado é apontado como matador de aluguel da região. O político, que não teve a identidade revelada, prestará depoimento nos próximos dias. O francês foi morto ao parar seu Jipe, na altura do km 192 da Dutra, para ajudar os amigos que trocavam o pneu do ônibus em que a banda do músico South Side viajava. Eles foram surpreendidos por dois homens em uma moto que anunciaram o assalto. De acordo com a polícia, Gressez tentou reagir e foi baleado. Os criminosos fugiram sem roubar nada.

Agencia Estado,

11 Abril 2007 | 11h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.