Preso sapateiro suspeito de ser traficante internacional

O sapateiro Valmir Ferreira Cardoso, de 26 anos, foi preso no início da noite desta segunda-feira, na casa da namorada, na zona norte de Franca, na região de Ribeirão Preto, interior do Estado de São Paulo, suspeito de participação no tráfico internacional de drogas que a polícia local está investigando.Com Cardoso, os policiais encontraram o endereço do cônsul da Suíça, que mora no Rio de Janeiro. Cardoso tem três casas alugadas, em São Paulo, que serviam como base para abrigar os "mulas", pessoas que viajavam com drogas (cocaína) no abdome, ingeridas em cápsulas fabricadas artesanalmente, para países da Europa, principalmente Holanda, Espanha e Noruega.Cardoso foi levado para a Cadeia da Guanabara. A polícia francana continua as investigações, intensificadas a partir da prisão de uma mãe e um filho, em flagrante, no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, em 19 de maio, quando eles iam levar cerca de 1,4 quilos de cocaína no abdome para Amsterdã (Holanda). Desde então, várias pessoas suspeitas de atuar como "mulas" foram ouvidas, outras detidas e outra quadrilha foi descoberta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.