Preso suspeito de participar de assalto a banco em SP

A polícia prendeu nesta segunda-feira José Vagner de Oliveira Joel, 33 anos, o Guiné, suspeito de integrar o bando que assaltou na semana passada uma agência bancária do Itaú, na Avenida Ibirapuera, em Moema, na zona sul de São Paulo. Guiné foi detido em Diadema, na Grande São Paulo.Depoimentos de testemunhas que presenciaram o crime levam polícia a suspeitar que Guiné carregaria o fuzil do qual foi disparada a bala que atingiu a estudante Priscila Aprígio, 13 anos. Ela ficou dois dias internada, passou por diversas cirurgias e ficou paraplégica. Guiné chegou mancando à Delegacia de Roubo à Bancos do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic), na zona norte da Capital. O tornozelo esquerdo dele fora alvejado na troca de tiros. O preso tem passagens na polícia pelos crimes de homicídio e roubo. Segundo o Deic, em depoimento, Guiné admitiu a participação no assalto, mas negou ser o autor do tiro que atingiu a adolescente. Ele foi o segundo suposto integrante da quadrilha a ser preso desde o incidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.