Presos libertam reféns e encerram rebelião em MG

Cerca de 50 presos do pavilhão de regime semi-aberto da Penitenciária Francisco Floriano de Paulo, em Governador Valadares, encerraram hoje à tarde a rebelião iniciada por volta das 9h de quinta-feira. Dois agentes penitenciários ficaram por cerca de 28 horas como reféns mas foram libertados, sem ferimentos.Segundo a Secretaria de Justiça de Minas Gerais, os detentos conseguiram garantias de revisão de penas e de transferências de 25 deles para presídios da região metropolitana de Belo Horizonte. As negociações foram conduzidas pelo juiz criminal Manoel Messias. A PM ocupou a unidade, no final da tarde, para fazer vistoria e recolher chuços e outras armas brancas.Durante a rebelião, os presos colocaram fogo em colchões danificaram cadeados de celas e destelharam o pavilhão.

Agencia Estado,

19 de outubro de 2001 | 18h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.