Presos mais seis fraudadores do INSS

Policiais Federais conseguiram prender mais seis integrantes da quadrilha de fraudadores do INSS, que agia principalmente no posto de atendimento do Instituto localizado na Rua Xavier de Toledo, no centro de São Paulo, comandada por Carlos Alberto Chicareli, que já foi detido há alguns dias juntamente com Vanessa Cristina Segura.Hoje à tarde foram presos Cristiane Andrade Ferreira Reis, de 37 anos, e Doralice César de Carvalho Alveu, de 40, funcionários do escritório de Assessoria Previdenciária que atuava em São Caetano do Sul e na região de Santo Amaro, zona sul da cidade. Também foram detidos Maria Helena Barbosa, 53, advogada; Vitor Hugo Perez, 28 anos, que trabalha com a advogado; Murilo César Nascimento Pereira, de 32 anos, funcionário do INSS da Rua Xavier de Toledo, e Márcia de Lourdes Colhado Haru Chicarelli, 42 anos, que seria mulher de Carlos Alberto Chicarelli.Segundo a Polícia Federal, já foram analisados cerca de cem processos fraudulentos feitos pela quadrilha, totalizando um prejuízo aos cofres públicos de cerca de R$ 4 milhões. A PF acredita que existam ainda outros cerca de mil processos fraudulentos realizados pela quadrilha. Se interessar, todos os detidos já estão na sede da Polícia Federal, na Rua Antonio de Godoi, centro da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.