Presos PMs acusados de torturar jornalistas

Quatro pessoas, entre elas três policiais militares (Fabio Gonçalves Soares, Marcos Antônio Alves da Silva e André Luiz de Mattos), foram presas ontem no Rio acusadas de capturar e torturar equipe do jornal O Dia, em maio. A operação da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado visava ao cumprimento de sete mandados de prisão e 29 de busca e apreensão. Com os presos a polícia encontrou um fuzil, quatro pistolas e munição. Uma repórter, um fotógrafo e um motorista do jornal moraram durante 14 dias na favela do Batan, na zona oeste, para fazer reportagem sobre milícias, quando foram capturados e torturados durante toda uma madrugada. Eles passam bem fisicamente, mas estão abalados psicologicamente.

, O Estadao de S.Paulo

12 de dezembro de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.