Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Presos rebelados mantêm 8 reféns em Bangu

Os presos da Casa de Custódia Jorge Santana, no complexo penitenciário de Bangu, no Rio, estão rebelados desde às 5 horas, após uma tentativa frustrada de fuga. Pelo menos oito policiais militares estão sendo mantidos como reféns pelos rebelados, que estão armados com escopetas e pistolas, que tomaram dos soldados, no pátio externo da prisão. Cerca de 150 policiais cercam o local. Este é o sexto motim no complexo penitenciário de Bangu em três meses.Pelo menos dois detentos teriam conseguido fugir. Um helicóptero da polícia sobrevoa o matagal em torno do complexo na busca aos fugitivos. De janeiro até hoje, pelo menos 105 presos já conseguiram escapar da Casa de Custódia, que abriga 496 detentos. Ainda não há informações sobre feridos.O motim já provocou uma demissão. O comandante-geral da PM, coronel Francisco Braz, afastou o subtenente Amichi do cargo de diretor da Casa de Custódia Jorge Santana e designou para o posto seu ajudante, o major Ari Jorge Santos. O oficial acredita que houve conivência de PMs para permitir a entrada de armas que os presos estão usando para manter PMs como reféns. As informações são da GloboNews.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.